Cantos da Terra - Tradições Portuguesas - www.cantosdaterra.net
Letras de músicas - Secção de impressão - Imprimir esta letra


A galinha
Popular Região indefenida
Letra: Popular
Música: Popular

 
tenho uma galinha pinta
que põe sete ovos ao dia,
que põe sete ovos ao dia.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam por ela toda,
a cidade de lisboa,
a cidade de lisboa.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pelo bico
o faial e mais o pico,
o faial e mais o pico.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pelo pescoço,
uma casca, duas cascas,
três casquinhas de tremoço.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pela perna
os ilhéus da madalena,
os ilhéus da madalena.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pelo papo
uma arroba, três arrobas,
quatro arrobas de tabaco.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pela moela,
quatro arrobas, cinco arrobas,
seis arrobas de canela.

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha p´ra o convento.

já me davam pelas pernas
uma fita, duas fitas,
três fitinhas amarelas

ainda assim me não contento:
cho p´ra fora, cho p´ra dentro,
cho galinha vai-te embora.

© 2003-2022 Cantos da Terra | todos os direitos reservados
www.cantosdaterra.net