Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Alfredo Marceneiro.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Alfredo Marceneiro - Laranjeira florida
Letra de: J. César Valente
Música de: Alfredo Marceneiro
 
entenra laranjeira
ainda pequenina
onde poisava o melro
ao declinar do dia
depois de te beijar
a boca purpurina
um nome ali gravei
o teu nome maria

em volta um coração
também com arte e geito
ao circundar teu nome
a minha mão gravou
esculpi-lhe uma data
e o trabalho feito
como sêlo de amor
no tronco lá ficou

mas no rugoso tronco
eu vejo com saudade
o símbolo do amor
que em tempos nos uníu
cadeia de ilusões
da nossa mocidade
que o tempo enferrujou
e que depois partiu

e à linda laranjeira
altar pregão d´amor
que tem a cor da esperança
a cor das esmeraldas
vão as noivas colher
as simbólicas flores
para tecer num sonho
as virginais grinaldas
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Alfredo Marceneiro
• A Casa da Mariquinhas
• Amor de mãe
• Amor é água que corre
• Bairros de Lisboa
• Bêbado pintor
• Cabaré
• Conceito
• Depois do Leilão
• Despedida
• Fado bailado
• Fado cravo
• Fado da balada
• Já sabem da Mariquinhas
• Janela da vida
• Laranjeira florida
• Lembro-me de ti
• Menina do mirante
• Mocita dos caracois
• O Leilão da Mariquinhas
• O louco
• O Marceneiro
• O pagem
• O Pierrot
• O remorso
• O Testamento da Mariquinhas
• Tricana
• Viela

 
 
Dia de S. Martinho, fura o teu pipinho.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15828269 páginas visitadas - 182 visitantes ligados
Contacte-nos