Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Rio Grande.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Rio Grande - Fui às sortes e safei-me
Letra de: João Monge
Música de: João Gil
 
fui às sortes e safei-me
direito que nem um fuso
não compreendo aquele uso
de fazer tudo aprumado
ele há coisas que eu cá sei
que só se fazem curvado

fizeram-me a vistoria
levaram tudo a preceito
até me viram o peito
e um pouco mais ao fundo
cada qual na sua vez
e tal como veio ao mundo

no fim já mais à tardinha
deram um papel timbrado
onde vinha o resultado
não me davam qualquer uso
fui às sortes e safei-me
direito que nem um fuso
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Rio Grande
• A Fisga
• A história do Zé Passarinho
• Deixa-me rir
• Fui às sortes e safei-me
• Loucos de Lisboa
• Menina estás à janela
• O caçador da Adiça
• Porto sentido
• Postal dos correios
• Senta-te aí

 
 
Quem é surdo, guarda segredos.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15764626 páginas visitadas - 133 visitantes ligados
Contacte-nos