Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Sérgio Godinho.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Sérgio Godinho - Caramba
Letra de: Sérgio Godinho
Música de: Sérgio Godinho
 
ó senhor da loja
já que a vida é curta
diga-me lá, se souber
quantos metros tem a dor

e já que ainda por cima
a vida é pesada
diga-me lá, se puder
quantos quilos tem o amor


e já que a paciência
tem os seus limites
diga-me lá quantos são
que é p´ra eu saber se espero ou não
quando for desesperar


já que a vida é curta
e o futuro, diz que está aqui já
(sei lá)
já que o futuro vêm
em peças separadas p´ra montar
(ah! ah! ah!)
antes que se esgote
reserve desde já o seu exemplar


caramba
está-se p´ráqui a dançar na corda bamba
sem se saber para que lado é que se cai
nem com que pé é que se samba


ó senhor da loja
já que a vida é bela
diga-me lá, se souber
em que espelho a devo olhar


mas se por outro lado
diz que a vida é dura
arranje-me aí, se tiver
um capacete p´ra eu marrar


e já que a vida é feita
de pequenos nadas
guarde-me aí quatro ou cinco
que é p´ra quando for domingo
eu os poder saborear


já que a vida é curta
e o futuro diz que está aqui já
(sei lá)
já que o futuro vêm
em peças separadas p´ra montar
(ah! ah! ah!)
antes que se esgote
reserve desde já o seu exemplar


caramba
está-se p´ráqui a dançar na corda bamba
sem se saber para que lado é que se cai
nem com que pé é que se samba


ó senhor da loja
já que a vida é breve
arranje-me aí os ponteiros
dum relógio que atrasar


e já que no fundo
vai tudo a dar ao mesmo
diga-me se o mesmo é mesmo
tudo o que ainda vai mudar


e já que é preciso
deitar contas à vida
desconte-me aí os meses
em que apenas fiz as vezes
doutro que não era eu


já que a vida é curta
e o futuro diz que está aqui já
(sei lá)
já que o futuro vêm
em peças separadas p´ra montar
(ah! ah! ah!)
antes que se esgote
reserve desde já o seu exemplar


caramba
está-se p´ráqui a dançar na corda bamba
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Sérgio Godinho
• A Barca dos Amantes
• A Boca do Lobo
• A Carolina
• A Carroça dos Poetas
• A Face Visível Da Lua
• A linda Joana
• A Minha Cachopa
• A Noite Passada
• A Paixão do velho Pires, o Marinheiro
• A Última Sessão
• A Vida É Feita de Pequenos Nadas
• A-A-E-I-O
• Aguenta Aí
• Alice No País Dos Matraquilhos
• Amores de Marta
• Antes o Poço da Morte
• Aos Amores
• Aprendi a Amar
• Arranja-me um emprego
• As Armas do Amor
• As Certezas do Meu Mais Brilhante Amor (Coisas do Amor I)
• As Dúvidas do Gaspar
• As Horas Extraordinárias
• Assim Como Um Postal Para o Canadá
• Até Domingo Que Vem
• Bacalhau Basta
• Balada da Rita
• Balada das Descobertas
• Barnabé
• Bate Coração
• Benvindo Sr. Presidente
• Bíblias de um Deus Ateu
• Bico Calado
• Bom Prazer
• Canção dos abraços
• Canção dos palhaços
• Cantiga da Velha Mãe e dos Seus Dois Filhos
• Cantiga do Camolas
• Cão Raivoso
• Caramba

 
 
O vinho e as crianças falam verdade.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15780089 páginas visitadas - 155 visitantes ligados
Contacte-nos