Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Rui Veloso.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Rui Veloso - Baile da paróquia
Letra de: Rui Veloso
Música de: Rui Veloso
 
fui ao baile da paróquia por alturas do são pedro
levei a minha lambreta e o meu velho blusão negro
pus calças americanas coçadas e muito justas
calcei botas alentejanas e cosi um dragão nas costas
punham só gianni morandi nelson ned e marissol
e eu fui ter à discoteca e encomendei rock and roll

fui ao baile da paróquia lá pros lados de valbom
fui ao baile da paróquia lá pros lados de valbom

fui buscar a paroquiana mais bela da diocese
era tão pura e singela que até dava catequese
ensinei-a a dançar shake pus a pista em alvoroço
e quando fomos dançar slow a bela não me deu roço
puxei-lhe o braço com força fiz uma cena de macho
estavam lá os irmãos dela levei um arraial de facho


vim de lá feito num oito com a poupança esfrangalhada
e nem me valeu de nada dizer que era baterista


já ninguém mais tem respeito pelos excessos de um artista
já ninguém mais tem respeito pelos excessos de um baterista
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Rui Veloso
• A gente não lê
• A Ilha
• A origem do mal
• A Rapariguinha do shopping
• Afurada
• Ai quem me dera a mim rolar contigo num palheiro
• Arménio (o trolha da Areosa)
• As regras da sensatez
• Avenidas
• Baile da paróquia
• Bairro do Oriente
• Balada da Fiandeira
• Caminhando até ti
• Cavaleiro andante
• Chico fininho
• Corações periféricos
• Do meu vagar
• Donzela diesel
• Elegia sanjoanina
• Estrela de Rock and Roll
• Fado do ladrão enamorado
• Fio de beque
• Inimiga de classe
• Já não há canções de amor
• Lado lunar
• Não há estrelas no céu
• No domingo fui às antas
• O prometido é devido
• O que eu quero ser quando for grande
• Paixão
• Porto Côvo
• Porto sentido
• Saíu para a rua
• Sei de uma camponesa
• Todo o tempo do mundo
• Um café e um bagaço

 
 
Antes minha face com fome amarela, que vergonha nela.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15779976 páginas visitadas - 141 visitantes ligados
Contacte-nos