Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Jorge Palma.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Jorge Palma - E Como Eras Linda
Letra de: Jorge Palma
Música de: Jorge Palma
 
e como eras linda
cantando e dançando
no baile

com as pernas nuas
num passo de dança
para provocar

eras mimi ou eras rosa
não me consigo lembrar
sei que ias de mesa, em mesa
uma valsa cantar

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai

chegaste ao pé de mim
de cigarro na boca
não achas que a sangria
do meu copo já me sabe a boca
encham o copo à menina
pode ficar rouca
e quem nos irá cantar
a velha valsa louca ?

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai

disseste-me ao ouvido
umas graças obscenas
com risos e abraços
com vinte anos apenas
ohhhhh
faz de conta que estamos sós
o patrão não está a ver
que esta valsa maluca
nos faz endoidecer

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai

quando saímos do táxi
para uma pensão barata
cheios de amor e alcool
como quem se mata
fecha as cortinas
eu peço-te para me despires
e nos ouvidos a valsa
voltava a surgir

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai

veio a manhã acordar-nos
em beijos profundos
despertar a cidade
com ruídos imundos
ohhhhh
façam de mim uma ave
mais leve que o ar
que achar que a vida de sonho
me faça cantar

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai

ehhhhh pá

laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
laralalairaralai
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Jorge Palma
• A Bem da Nossa Civilização
• A Caminho de Casa
• A Canção de Lisboa
• A Colherzinha
• A Escola
• Á Espera do Fim
• A Estrada do Sucesso
• A Gente Vai Continuar
• Acorda, Menina Linda
• Ainda Há Estelas No Teu Olhar(II)
• Ainda Há Estrelas no Teu Olhar
• Amora Morena
• Ao Meu Encontro na Estrada
• As Coplas de Mackie Naifa
• Até Eu Voltar
• Até mais não pode ser
• Bairro do amor
• Balada dum estranho
• Beijos e Papas de Leite
• Boletim Meteorológico
• Bom Dia
• Cá Vou Andando
• Cantiga do Zé
• Cara d´Anjo Mau
• Com Uma Viagem Na Palma da Mão
• D. Quixote foi-se embora
• Dá-me lume
• Deixa-me rir
• Dilema
• Disse Fêmea
• Dizem Que Não Sabiam Quem Era
• Diz-me tu Marilu
• Dormia Tão Sossegada
• Duas Amigas
• E Como Eras Linda
• Eles Já Estão Fartos
• Enquanto o Pau Vai e Vem
• Essa miúda
• Estrela do mar
• Eternamente Tu

 
 
A Pescada de Janeiro, vale um carneiro.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15780024 páginas visitadas - 154 visitantes ligados
Contacte-nos