Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
 • Letras de: Eugénia Melo e Castro.

2564 letras disponíveis para consulta

(estas letras no seu site...clique aqui!)
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
Eugénia Melo e Castro - Ao cair da tarde
Letra de: Eugénia Melo e Castro
Música de: Tunai
 
os teus olhos andam pela terra
ao encontro dos olhos no ar
olham o que se sente
do ar bom que fica no olhar

ao encontro dos meus olhos no ar
como um raio de riso na boca
perto uma das outra
do lado onde as palavras não chegam

se desta vez souberes como é
que se diz gostar muito é que é
ao lado deste lado e ficar

calmo como o vento
chega ao cair da tarde
onde é que vais viver
dentro ou fora de mim

com um sorriso nos olhos
quando dizes que sim
onde é que vais viver
dentro ou fora de mim

baixo – luís alves
guitarra – ricardo silveira
bateria e efeitos – paulinho braga
violão – tunai
sax soprano – mauro senise
piano e oberheim – wagner tiso
arranjo de base – tunai e wagner tiso
 
 
««« Voltar | Versão de impressão Versão para impressão
 
 
Outras letras de: Eugénia Melo e Castro
• A cor do ar
• A dança da Lua
• Águas de todo o ano
• Ao cair da tarde
• Cais
• Caso de amor
• Cobra-Aranha
• Começo de Mar
• Difrença horária
• Duas cidades
• Duas cidades
• É assim
• Em milímetros
• Fora da terra
• Lugar sem fim
• Magicamente
• Meu e assim
• Que amor não me engana
• Terra de Mel
• Um gosto de Sol
• Uma canção
• Vaga no azul
• Velho Mar
• Vira virou

 
 
Não há mau tempo senão quando faz vento.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15828794 páginas visitadas - 72 visitantes ligados
Contacte-nos