Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
Açude - Original de João Frazão que integra o CD coletivo CAVAQUINHOS.PT editado pela A. C. Museu Cavaquinho e distribuido pela TRADISOM.
Adquira aqui: https://tradisom.com/cavaquinhos-pt
Monumentos
Castelo de Alcobaça
O castelo de Alcobaça está edificado sobre um monte com cerca de 70 metros de altura, do lado poente do Mosteiro. Devido ao seu avançado estado de degradação, pode de dia passar despercebido ao viajante menos atento, mas de noite, com a iluminação, é um espectáculo digno de se ver.

Seja como for, vale sempre a subida (a pé ou de carro),...
[Ler mais...]

Castelo de Vilar Maior
Classificado como Imóvel de Interesse Público - D.L. nº 2/96 de 6/3/1996. Relativamente à época da sua fundação colocam-se várias hipóteses: castro pré-romano, fortaleza romana e árabe. Terá sido reedificado por D. Afonso IX de Leão. Todavia o dado menos controverso diz respeito à sua reedificação por D. Dinis, cerca de 1296, ainda que a sua fundaç...
[Ler mais...]

Castelo de Vila do Touro
O castelo teria sido fundado pelos Templários cerca de 1221. Posteriormente seria reedificado por D. Dinis, integrando talvez uma Torre de Menagem.

Apenas subsistem alguns panos de muralhas em ruínas, bem como uma porta em arco quebrado, a Porta de S. Gens, abobadada e parcialmente entaipada.
[Ler mais...]

Castelo de Sortelha
Classificado como Monumento Nacional - D.L. de 16/6/1910. Sofreu obras de renovação, cerca de 1228, reinado de D. Sancho II, e posteriormente foi remodelado nos reinados de D. Dinis, de D. Fernando e de D. Manuel e ainda em 1640.

A sua origem está efectivamente rodeada de lendas, preferencialmente relacionadas com bruxas, facto que a exi...
[Ler mais...]

Castelo do Sabugal
Classificado como Monumento Nacional -D.L. de 16/6/1910; D.L. nº 38147 de 5/1/1951; Z.E.P.-D.L. (2ªsérie) nº 282 de 6/12/1949. O castelo foi construído talvez nos séc. XII-XIII, sob o domínio leonês, tendo sido depois remodelado e ampliado por D. Dinis, datando a Torre de Menagem do reinado deste monarca; recebeu obras de beneficiação no reinado de...
[Ler mais...]

Castelo de Alfaiates
Classificado como Monumento Nacional - D.L. nº 28/82 de 26 de Fevereiro. Provavelmente foi construído por Afonso X de Leão cerca de 1230, reedificado depois por D. Dinis no séc. XIII. Recebeu obras de beneficiação no reinado deste monarca e em 1640 participou na defesa contra os Franceses. É conhecido um projecto de transformação do castelo em fort...
[Ler mais...]

Castelo de Aljezur
O castelo de Aljezur foi conquistado durante o reinado de D. Afonso III, por D. Paio Peres Correia.



O terramoto de 1755 destruiu as casas da velha vila, assim como o castelo.

[Ler mais...]

Castelo de Montemor-o-Novo
O conjunto defensivo da vila foi edificado por D. Dinis. Dele, restam a porta de Santiago da Vila e a porta do Anjo.

[Ler mais...]

Castelo de Estremoz
Entre os muitos episódios ocorridos no Castelo de Estremoz, o facto de ali ter morrido, a 4 de Julho de 1336, a Rainha Santa, D. Isabel de Aragão, mulher de D. Dinis, seria suficientemente marcante para eleger o monumento como um dos mais importantes do nosso país.
Como quase todos os castelos, também este sofreu obras de restauro e de acresc...
[Ler mais...]

Castelo de Arraiolos
Teve este castelo pouco mais de três séculos de vida activa, porquanto foi mandado edificar pelo rei D. Dinis, em 1310, e em 1613 já se queixavam os oficiais da câmara que "se desfaz a fortaleza e mais casas que estão dentro no castelo, e os homens moradores da vila (já a viver na zona mais plana do lugar] vão desmanchar as casas e muros da dita fo...
[Ler mais...]

Castelo de Penela
O castelo terá sido construído provavelmente sobre uma construção militar Romana que vigiava a estrada Mérida - Conímbriga - Braga.



A entrada principal no castelo era uma grande porta situada na torre do lado ocidental. No entanto, com o poder do tempo abriu-se um rasgo no lado sul da muralha, e é esse o acesso que é utilizado ho...
[Ler mais...]

Castelo de Montemor-o-Velho
Em 848, Ramiro de Leão passou a dominar o castelo de Montemor, mas a reconquista definitiva do Mondego foi empreendida pelo Rei Fernando Magno, que entregou o castelo ao Conde Sesnando.
[Ler mais...]

Castelo da Lousã (Castelo de Arouce)
Data de 943 um contrato realizado entre Zuleima Abaiud e o Abade Mestúlio do Mosteiro de Lorvão onde, pela primeira vez, nos aparece o topónimo ARAUZ, que designa a povoação mais importante dessa altura em toda a região, e que se localizava junto ao morro onde se levantaria, mais tarde, o Castelo de Arouce. O nome do contratante deixa entender que ...
[Ler mais...]

Fortaleza de Buarcos e Fortim dos Palheiros
Faziam parte do sistema defensivo da Costa (com o Forte de Santa Catarina); datam, talvez, do reinado de D. João I, para refrear os assaltos dos Ingleses, Holandeses e piratas.
[Ler mais...]

Forte de Santa Catarina
É uma relíquia militar, sistema abaluartado, com o cunho inconfundível de traça Vauban. Mandado concluir por D. João IV para defesa da barra, aceita-se contudo, com fundamento histórico, que os seus alicerces são do tempo de D. João I.
Após actuação brilhante contra a pirataria que infestava amiudadas vezes esta costa marítima de fácil desemb...
[Ler mais...]

 
Biografias de artistas
Fernando Pessa
Nasceu em Aveiro, em 1902, mas foi criado em Penela, perto de Coimbra onde fez o ensino secundário, no sentido de se preparar para os exames de admissão à "Escola de Guerra".

O objectivo de Fernando Pessa era ir para a "tropa", e seguir a carreira militar, como fez o pai, mas "nessa altura havia oficiais a mais, como resultado da primei...
[Ler mais...]

Agustina Bessa-Luis
Escritora portuguesa, nascida em Vila Meã, Amarante. Começou a escrever aos 16 anos. Casou, em 1945, com Alberto de Oliveira Luís.

Viveu em Coimbra até 1948, data em que publicou a novela “Mundo Fechado”. Passa a residir no Porto a partir de 1950, ano em que publica no Porto "Os Super-Homens", primeiro romance.

O reconhecime...
[Ler mais...]

Maria João Pires
A pianista Maria João Pires nasceu em Lisboa e tocou pela primeira vez em público aos 4 anos de idade. Aos 5 deu o seu primeiro recital e dois anos mais tarde interpretava concertos de Mozart em público. Entre 1953 e 1960, Maria João Pires estudou no Conservatório Nacional de Lisboa com o professor Campos Coelho, tendo frequentado também os cursos ...
[Ler mais...]

Beatriz Costa
Beatriz da Conceição nasceu a 14 de Dezembro de 1907 no lugar da Charneca do Milharado, no Casal Barreiro, concelho de Mafra e baptizada no Orago de S. Miguel.

Filha primogénita de pais portugueses vai aos 4 anos de idade com a mãe para Lisboa, que viria a trabalhar em casa de José Malhoa.

Após segunda união matrimonial da m...
[Ler mais...]

Vasco Graça Moura
Nasceu no Porto a 3 de Janeiro de 1942. É licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa.

É autor de obras de ensaio, poesia, romance e ainda de traduções.
Foi Secretário de Estado em dois Governos Provisórios. Tem desempenhado funções directivas na Rádio Televisão Portuguesa, na Imprensa Nacional e na Comissão para as Comemoraçõ...
[Ler mais...]

Tozé Martinho
Tozé Martinho nasceu em Dezembro de 1947, em Lisboa. Por influência da ascendência familiar, frequenta o curso de veterinária.

Mais tarde, entra na faculdade para estudar Economia, mas não termina. Vai viver para os EUA onde estuda direcção de cinema e televisão. Foi director de programas durante dois anos, na RTP-USA em NewWarc, nos Es...
[Ler mais...]

Rosa Lobato de Faria
Nasceu a 20 de Abril de 1932 em Lisboa. Poetisa, romancista, argumentista e cronista. Actriz de teatro, cinema e televisão.

Autora de letras de canções e fados, teve várias canções suas premiadas no Festival RTP da Canção e apresentadas no Festival da Eurovisão. Teve duas representações no Festival da OTI e uma no Festival da Canção da ...
[Ler mais...]

Manuel Faria
Manuel Faria nasceu no dia 1 de Novembro de 1957, em Lisboa.
Manifestou gosto e interessou-se pela música em criança.

Fez a sua formação com a professora Elisa Wahnnon. Foi um dos elementos fundadores do grupo Trovante quando decorria o ano de 1976 juntamente com Luís Represas, João Nuno Represas, João Gil e Artur Costa.
[Ler mais...]

Manuel Alegre
Nasceu em Águeda, em 1936. Frequentou a Faculdade de Direito, em Coimbra. Participou activamente nas lutas académicas contra o regime ditatorial. Em Angola dirige uma tentativa de rebelião contra as Guerras de África, sendo preso pela Pide.

Exilou-se em Argel onde foi dirigente da Front Patriotique de Libération National e locutor da Rád...
[Ler mais...]

José Jorge Letria
Jornalista, poeta, dramaturgo, ficcionista e autor de uma vasta obra para crianças e jovens, José Jorge Letria nasceu em Cascais, em 1951, tendo desempenhado, entre l994 e 2002, as funções de vereador da Cultura no município local. Estudou Direito, História e História de Arte na Universidade de Lisboa, sendo pós-graduado em Jornalismo Internacional...
[Ler mais...]

Carlos Mendes
Nasceu em Lisboa a 23 de Maio de 1947. Em 1964 funda o grupo rock "Os Sheiks" que obtém grande sucesso dentro e fora do país. Em 1967 o grupo dissolve-se e inicia a carreira a solo. Em 1968 vence o Festival RTP da Canção com a composição "Verão".

Entre 1969/1973 tira o curso de Arquitectura e inicia a actividade de arquitecto. Em 1976 ...
[Ler mais...]

Carlos Pinto Coelho
Nasceu em Lisboa a 18 de Abril de 1944. Viveu em Moçambique até 1963. Frequentou a Faculdade de Direito de Lisboa. Ingressou no jornalismo como repórter do jornal "Diário de Notícias".

Coordenou as secções de Política Internacional de jornais diários e revistas de Lisboa.
Foi redactor da Agência de Notícias A.N.I., correspondente da...
[Ler mais...]

Luis Cília
Luis Cília nasce em Angola, no Huambo, em 1 de Fevereiro de 1943. Em 1959 vem para Lisboa estudar Economia e vai morar na Casa dos Estudantes do Império, onde se relaciona com o movimentos estudantil a favor da independência das colónias.

Em 1964, para fugir à tropa, emigra para Paris, onde desempenha várias profissões e conhece músi...
[Ler mais...]

Eugénio de Andrade
Nasceu a 1 de Fevereiro de 1923 na Póvoa da Atalaia, (Fundão). Vem com a mãe para Lisboa onde se mantém até meados dos anos 40, quando vai para Coimbra, estudar filosofia, e onde se relaciona com eminentes personalidades da vida académica e cultural.

Em 1947, ingressa nos quadros dos serviços médico-sociais do Ministério da Saúde, exerce...
[Ler mais...]

Eugénia Lima
Nasceu em Castelo Branco, em Abril de 1926. Diplomada com o Curso Superior de Acordeão na categoria de Professora pelo Conservatório de Acordeão de Paris.

Iniciou-se no Teatro Vaz Preto, em Castelo Branco, aos quatro anos de idade. O ciclo de actuações por toda a Beira Baixa valeu-lhe o epíteto de "Miúda de Castelo Branco".
Estreou-...
[Ler mais...]

 
Personagens carismáticos da história de Portugal
Infante D. Duarte
Infante, filho do rei D. Manuel e de sua segunda mulher, a rainha D. Maria.

N. em Lisboa a 7 de Outubro de 1513, e fal. em 20 de Setembro de 1540.

A sua educação foi confiada a André de Resende, que lhe escreveu a biografia com muitos elogios.

Parece que o infante tinha muita vocação para a música, e era um infat...
[Ler mais...]

D. João de Castro
Um dos vultos mais gloriosos da nossa história; governador e capitão general, 14.º governador e 4.º vice-rei da Índia.

Nasceu em Lisboa a 27 de Fevereiro de 1500, faleceu em Goa a 6 de Junho de 1548. Era filho de D. Álvaro de Castro, senhor do Paul de Boquilobo, governador da Casa do Cível e vedor da fazenda do rei D. João e de D. Manue...
[Ler mais...]

Bulhão Pato
Raimundo António de Bulhão Pato

Poeta contemporâneo, 2.º oficial da 1.ª repartição da direcção geral do comércio e industria, sócio da Academia Real das Ciências.

N. a 3 de Março de 1829 em Bilbau, nas províncias vascongadas, e foi criado em Deusto, pequena e risonha povoação assentada sobre o rio, a uma légua da cidade. Era...
[Ler mais...]

Teófilo Braga
Joaquim Teófilo Fernandes Braga

Doutor em Direito pela Universidade de Coimbra; lente de Literatura no Curso Superior de Letras; sócio efectivo da Academia Real das Ciências, de Lisboa; da Academia Real de História, de Madrid, e de numerosas corporações literárias e científicas de Portugal e do estrangeiro, onde o seu nome é bastante con...
[Ler mais...]

D. Constantino de Bragança
7.º vice-rei da Índia.

Nasceu em. 1528, faleceu a 14 de Junho de 1575. Era filho do 4.º duque de Bragança, D. Jaime I, e de sua mulher, a duquesa D. Leonor de Mendonça, filha de D. João de Gusmão, 3.º duque de Medina Sidónia, e de D. Isabel de Velasco.

D. Constantino não tinha ainda 20 anos, quando foi como embaixador a Fran...
[Ler mais...]

Duque de Ávila
António José de Ávila
Conde de Ávila
Marquês e duque de Ávila e Bolama

Conselheiro de Estado efectivo, ministro de Estado, enviado extraordinário e ministro plenipotenciário junto das cortes de Paris e de Madrid, par do reino, etc. N. no Faial a 8 de Março de 1806, fal. em Lisboa a 3 de Maio de 1881.

Era filho de Man...
[Ler mais...]

Manuel de Arriaga
Advogado distinto, poeta, escritor e antigo deputado.

N. na cidade da Horta, na ilha do Faial; era filho de D. Sebastião de Arriaga Brum da Silveira e de D. Maria Cristina de Arriaga Caldeira.

Matriculado no Universidade de Coimbra, na faculdade de direito, fez um curso brilhantíssimo, afirmando-se logo nas lições dos primei...
[Ler mais...]

José Gregório da Rosa Araújo
Comerciante; deputado, par do reino, presidente da câmara municipal de Lisboa.

Nasceu nesta cidade a 17 de Novembro de 1840, onde também faleceu a 26 de Janeiro de 1893.

Era filho de Manuel José da Silva Araújo e de Eulália Rosa da Silva Araújo, de quem herdou uma fortuna colossal granjeada em improbo labor quotidiano, e o...
[Ler mais...]

D. Antónia
Infanta de Portugal, D. Antónia Maria Fernanda Micaela Gabriela Rafaela Francisca de Assis Ana Gonzaga Silvina Júlia Augusta, princesa de Hohenzollern Sigmaringen, filha da rainha D. Maria II e de el-rei D. Fernando, irmã dos falecidos monarcas D. Pedro V e D. Luís I, tia do actual soberano el-rei senhor D. Carlos.

N. em Lisboa, no paç...
[Ler mais...]

Francisco Xavier da Silva Pereira
1º barão
1º visconde
1º conde das Antas

Tenente-general do exército, par do reino, vogal do Supremo Conselho de Justiça Militar, inspector-geral da arma de infantaria, governador-geral dos estados da Índia, deputado da nação ao congresso constituinte de 1837, etc. Nasceu em Valença a 14 Março de 1793, e faleceu em Lisboa a 20 d...
[Ler mais...]

D. Pedro José de Noronha
D. Pedro José de Noronha Camões de Albuquerque Moniz e Sousa
4.º conde de Vila Verde
3.º marquês de Angeja

Grande estadista, sucessor de toda a casa, senhorio de várias terras e comendas que teve seu pai.

Nasceu a 17 de Agosto de 1716, faleceu a 11 de Março de 1788. Era filho do 2.º marquês de Angeja e 3.º conde de V...
[Ler mais...]

Francisco da Silveira Pinto
Francisco da Silveira Pinto da Fonseca Teixeira
1.º conde de Amarante

Moço fidalgo com exercício na Casa Real e fidalgo cavaleiro; 9.º senhor donatário das Honras de Nogueira e S. Cipriano; senhor do morgado do Espírito Santo na vila de Canelas; comendador de Santa Marinha de Rio Frio da Carregosa, no bispado do Miranda, na ordem de...
[Ler mais...]

Augusto Manuel Alves da Veiga
Foi um dos republicanos que fizeram a revolta do Porto, em 31 de Janeiro de 1891.

Formou-se em direito na Universidade de Coimbra, no ano 1874, tendo feito o curso com a maior distinção; enquanto estudante deu sempre provas de grande inteligência e dedicação ao estudo, obtendo as classificações devidas aos seus méritos provados. Era ne...
[Ler mais...]

D. Leonor de Almeida
D. Leonor de Almeida Lorena e Lencastre
Condessa de Oeynhausen
7.ª condessa de Assumar
4.ª marquesa de Alorna

Notável poetisa, nasceu em Lisboa a 31 de Outubro de 1750, faleceu em Benfica a 11 de Outubro de 1839. Era filha primogénita do 2.º marquês de AIorna e 4.º conde de Assumar, D. João de Almeida Portugal, e de sua mu...
[Ler mais...]

D. João de Almeida Portugal
4.º conde de Assumar
2.º Marquês de Alorna

Oficial-mor da Casa Real, (vedor honorário da fazenda); comendador da comenda de Moreira na ordem de Cristo; capitão de cavalaria do exército, sócio da Academia da Historia Portuguesa.

Nasceu a 7 de Novembro de 1726; faleceu a 9 de Junho de 1802. Era filho do 3.º conde de Assumar...
[Ler mais...]

 
Livro de visitas
Enviado por: Manuel Forra
Olhão

Un grand BRAVO
Simplesmente OBRIGADO, pela forma da vossa interpretação da musica folclorica .. MERCI

[Mais comentários...]    [Escrever comentário...]
 
 
 
Os males dos nossos avós, fazem-no eles e pagamo-los nós.


 

 

© 2003-2024 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
15919824 páginas visitadas - 36 visitantes ligados
Contacte-nos