Cantos da Terra - Tradições portuguesas.
Personagens carismáticos da história de Portugal
Listagem simples
Listagem com fotografia

20 Personagens + lidos
20 Personagens - lidos

O seu donativo ajuda-nos a manter as tradições portuguesas online
Um espaço de consulta gratuita há mais de 18 anos.
Clique para ligar rádio
- Poderá continuar a navegar.

 
Açude - Original de João Frazão que integra o CD coletivo CAVAQUINHOS.PT editado pela A. C. Museu Cavaquinho e distribuido pela TRADISOM.
Adquira aqui: https://tradisom.com/cavaquinhos-pt
Monumentos
Forte de Vila Nova de Milfontes
Forte de Vila Nova de Milfontes
(Forte de São Clemente)


Forte construído em 1552 dada a frequência de ataques de corsários. Fica ao lado da praia do rio, na foz do rio Mira. Actualmente é uma unidade hoteleira.
[Ler mais...]

Castelo e Muralhas de Moura
O Castelo de Moura vive com a cidade desde tempos remotos. Alvo de reconstruções várias, restam hoje em sofrível estado de conservação a Torre de Menagem e alguns torreões incluindo a Torre de Taipa de origem árabe.

Das Muralhas, construidas no final do séc. XVII, apenas restam alguns breves troços, dos quais o mais significativo é o que...
[Ler mais...]

Torre de Atalaia Magra
Pitoresca torre do séc. XIV, situada entre olivais a um par de quilómetros da cidade de Moura, constituía juntamente com outras três (Atalaia Gorda, Atalaia da Casinha e Atalaia de Porto Mourão) a primeira linha de vigilância contra o inimigo castelhano.
[Ler mais...]

Castelo da Feira
Não há hoje a mais pequena dúvida de que o Castelo de Santa Maria da Feira, tal como o vemos e conhecemos, representa a última de uma longa série de construções que, naquele mesmo local, se foram sucedendo durante centenas ou milhares de anos, como guardiãs dos bens das populações que nas suas vizinhanças se estabeleciam.

Mas se a arqueo...
[Ler mais...]

Castelo de Porto de Mós
Breve História do Castelo de Porto de Mós
A inicial atalaia mourisca do rei mouro Oumar deu lugar ao castelo de Porto de Mós, conquistada por D. Afonso Henriques em 1148, pois era necessário proteger a norte, as terras adquiridas na altura cristã e, conquistar a sul as de Santarém até ao Tejo.

Marco histórico, o castelo teve ...
[Ler mais...]

Castelo de Arnóia
O Castelo de Arnóia, também conhecido como Castelo dos Mouros ou Castelo de Moreira, ergue-se na povoação e Freguesia de Arnóia, concelho de Celorico de Basto, Distrito de Braga, em Portugal.

Ergue-se sobre um maciço de pedra, em posição dominante sobre a povoação que outrora foi a sede do Concelho com Casa da Câmara, Pelourinho e Cadeia...
[Ler mais...]

Forte da Ilha do Pessegueiro
Parece existirem evidências de que os Cartagineses se estabeleceram na ilha ainda antes da II Guerra Púnica (218-202 a. C.).
Na época Romana (entre meados do século I d. C. e o século V d. C.) a ilha foi um centro produtor de preparados de peixe. Deste período, para lá dos vestígios dos tanques de salga (recentemente postos a descoberto), ter...
[Ler mais...]

Ponte da Ajuda
(Ou Ponte de N.ª Sr.ª da Ajuda, ou Ponte de Olivença)

A Ponte da Ajuda é uma ponte fortificada, com um torreão a meio, que ligava Elvas a Olivença. É constituída por dezanove arcos.

Durante a Guerra da Sucessão Espanhola (século XVIII), foi dinamitada pelo exército Castelhano, ficando assim interrompida a única ligação entre O...
[Ler mais...]

Fortaleza de Armação de Pêra
Terá existido uma antiga fortaleza para defesa contra piratas. A partir das ruínas foi edificado o Forte Novo, o qual foi restaurado no século XVIII.
[Ler mais...]

Torre de Menagem
A torre de menagem é o que resta do castelo de Braga. Das muralhas, subsistem ainda algumas ruínas, na sua maior parte bastante modificadas.

Esta torre terá sido mandada construir pelo rei D. Fernando, pelo que é igualmente chamada Torre de D. Fernando. Muitas das pedras que a compõem mostram claramente sinais particulares.

A ...
[Ler mais...]

Capela de S. Jerónimo
Construída em 1514, dentro dos terrenos da cerca dos Monges Jerónimos do Mosteiro de Santa Maria de Belém, a Capela de S. Jerónimo, de formas sóbrias e raro equilíbrio de volumes, é um monumento que impressiona todos os que o vêem pela primeira vez.

Esta Capela, de planta quadrangular, é rematada no topo por um cordão interrompido por q...
[Ler mais...]

Castelo de Lamego
Descrição
Planta poligonal irregular, com torre de menagem voltada a Oeste, de planta quadrada, com porta de acesso em nível superior, a c. de 2 m. do solo, possuindo pequenas frestas nos alçados e algumas fenestrações (aproveitando vãos antigos) e porta a nível térreo.

É ameada e de três pisos de madeira, comunicantes entre...
[Ler mais...]

Castelo de Vila Nova de Cerveira
Situada numa pequena elevação, serviria durante muitos anos para impedir a travessia do Rio Minho. D. Dinis aumentou a vila e a fortaleza, concedendo-lhe foral em 1321.

Em 1643 o Conde de Cerveira trataria de modernizar a linha defensiva, que ficaria com cinco baluartes.

[Ler mais...]

Fortim da Areosa (ou Fortim da Vinha)
O Fortim da Areosa foi construído para protecção da entrada do rio Lima e da cidade de Viana do Castelo, segundo as novas técnicas de defesa pós-Renascença, com o uso intensivo do canhão.

Situa-se na Praia do Norte, em localização destacada, a oeste do Monte de Santa Luzia.

[Ler mais...]

Praça Forte de Valença
Valença é uma das mais importantes praças fortes do país. A actual fortificação foi edificada no século XVII frente a Tui; no entanto, as suas raízes remontam à época Romana.

Com D. Afonso V, o nome da vila mudou de Contrasta ("A que fica em frente") para Valença ("a valente"). Pelos desenhos que D. Duarte d´Armas deixou, conclui-se que ...
[Ler mais...]

 
Biografias de artistas
Carlos Zel
Nascido na Parede, a 29 de Setembro de 1950, Carlos Zel inicou a sua carreira profissional em 1967. A primeira apresentação aconteceu, um ano depois, na Emissora Nacional. Fez teatro de revista e musical - ”Aldeia da Roupa Suja” (1978), ”A Severa” (1990) e ”Ai Quem Me Acode” (1994) -, cantou em várias casas de fado e actuou nos casinos, com destaqu...
[Ler mais...]

Beatriz da Conceição
Beatriz da Conceição é uma das personalidades artísticas mais vibrantes da segunda metade deste século. Nascida no Porto em 1939, torna-se fadista num episódio quase lendário: vai ouvir fados à casa de fado de Márcia Condessa, alegra-se com a sangria e trauteia um fado. É logo convidada pela D. Márcia para ficar a cantar na casa. Já não regressa ao...
[Ler mais...]

Augusto Hilário
O seu nome é bem conhecido de todos aqueles que apreciam o Fado de Coimbra e mesmo daqueles que preferem a canção de Lisboa, pois ficou imortalizado no célebre Fado Hilário que até Amália gravou.

Mas não serão muitos aqueles que identificarão o Fado Hilário com uma pessoa que existiu realmente.

Nascido em Viseu em 1864 e fale...
[Ler mais...]

António Menano
Nascido nas faldas da Serra da Estrela de uma família de 12 irmãos, António Menano foi sem sombra de dúvida o mais conhecido e popular cantor de fados de Coimbra.

Tal como Hylário, o fabuloso cantor boémio seu antecessor, também António Menano cedo se tornou ídolo da Academia, enriquecendo o espírito estudantil de Coimbra e a lenda coi...
[Ler mais...]

António Bernardino
Dele se poderá dizer que interpretou os melhores autores, foi acompanhado pelos melhores músicos e teve os melhores mestres.

Prematuramente falecido em 1996, António Bernardino, natural de Águeda, onde nasceu em 1942, começou cedo a cantar o fado de Coimbra, ainda estudante em Aveiro.

Chegado à cidade do Mondego, Bernardino d...
[Ler mais...]

Ercília Costa
Com o tradicional exagero dos cognomes que o público arranjava para as vedetas de quem muito gostava, Ercília Costa ficou conhecida como ”a Santa do Fado” ou ”a Toutinegra do Fado”.

Mas aqueles que tiveram o privilégio de a ouvir sabem que Ercília Costa era uma das grandes cantadeiras de fado da primeira metade do século XX. O seu nome ...
[Ler mais...]

Francisco de Matos Vieira
Cavaleiro professo na ordem de Santiago da Espada, pintor histórico da Casa Real, académico de mérito da Academia de S. Lucas em Roma, etc. Era mais conhecido pelo [nome de] Vieira Lusitano, por ser natural de Lisboa, onde nasceu a 4 de Outubro de 1699, e fal. no sitio do Beato António a 13 de Agosto de 1783.

Era destinado pela sua famí...
[Ler mais...]

Francisco Vieira
Pintor histórico e de paisagem, lente de desenho na Academia do Porto. Era cognominado Vieira Portuense, por ter nascido nessa cidade, e para se diferençar doutro seu afamado contemporâneo, conhecido pelo nome de Vieira Lusitano, por ter nascido em Lisboa. N. portanto, no Porto a 13 da Maio de 1765, fal. na ilha da Madeira a 2 de Maio de 1805. Era...
[Ler mais...]

Eça de Queirós
Diplomata e escritor muito apreciado.

Nasecu na Póvoa de Varzim em 1846 [de facto em 25 de Novembro de 1845], faleceu em Paris a 17 de Agosto de 1900. Era filho do Dr. José Maria Teixeira de Queirós, juiz do Supremo Tribunal de Justiça, e de sua mulher, D. Carolina de Eça.

Depois de ter estudado nalguns colégios do Porto mat...
[Ler mais...]

Rosa Damasceno
Actriz contemporânea. Nasceu no Porto a 23 de Fevereiro de 1849, faleceu no Gradil a 5 de Outubro de 1904.

Seu pai era militar; e quando faleceu, veio Rosa com sua mãe para o Alentejo, e entrou como actriz numa companhia ambulante, dirigida por um antigo actor e empresário, chamado Lopes.
Percorreu com a companhia diversos teatros...
[Ler mais...]

Fernando Pessa
Nasceu em Aveiro, em 1902, mas foi criado em Penela, perto de Coimbra onde fez o ensino secundário, no sentido de se preparar para os exames de admissão à "Escola de Guerra".

O objectivo de Fernando Pessa era ir para a "tropa", e seguir a carreira militar, como fez o pai, mas "nessa altura havia oficiais a mais, como resultado da primei...
[Ler mais...]

Agustina Bessa-Luis
Escritora portuguesa, nascida em Vila Meã, Amarante. Começou a escrever aos 16 anos. Casou, em 1945, com Alberto de Oliveira Luís.

Viveu em Coimbra até 1948, data em que publicou a novela “Mundo Fechado”. Passa a residir no Porto a partir de 1950, ano em que publica no Porto "Os Super-Homens", primeiro romance.

O reconhecime...
[Ler mais...]

Maria João Pires
A pianista Maria João Pires nasceu em Lisboa e tocou pela primeira vez em público aos 4 anos de idade. Aos 5 deu o seu primeiro recital e dois anos mais tarde interpretava concertos de Mozart em público. Entre 1953 e 1960, Maria João Pires estudou no Conservatório Nacional de Lisboa com o professor Campos Coelho, tendo frequentado também os cursos ...
[Ler mais...]

Beatriz Costa
Beatriz da Conceição nasceu a 14 de Dezembro de 1907 no lugar da Charneca do Milharado, no Casal Barreiro, concelho de Mafra e baptizada no Orago de S. Miguel.

Filha primogénita de pais portugueses vai aos 4 anos de idade com a mãe para Lisboa, que viria a trabalhar em casa de José Malhoa.

Após segunda união matrimonial da m...
[Ler mais...]

Vasco Graça Moura
Nasceu no Porto a 3 de Janeiro de 1942. É licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa.

É autor de obras de ensaio, poesia, romance e ainda de traduções.
Foi Secretário de Estado em dois Governos Provisórios. Tem desempenhado funções directivas na Rádio Televisão Portuguesa, na Imprensa Nacional e na Comissão para as Comemoraçõ...
[Ler mais...]

 
Personagens carismáticos da história de Portugal
Conde D. Henrique
Conde de Borgonha, o Bom, fundador da monarquia portuguesa, por ter sido pai de D. Afonso Henriques, 1.º rei de Portugal. N. em Dijon em 1057, data que se considera mais provável, e fal. em Astorga em 1114. Era o 4.º filho do duque Henrique de Borgonha e de sua mulher, Sibila, neto de Roberto I, duque de Borgonha-Baixa, e bisneto de Roberto, rei de...
[Ler mais...]

Guerra Junqueiro
Bacharel formado em Direito pela Universidade de Coimbra, deputado, escritor e poeta contemporâneo, etc.

N. em Freixo de Espada à Cinta a 17 de Setembro de 1850, sendo filho do abastado negociante e lavrador José António Junqueiro Júnior, e de D. Ana Guerra, a qual faleceu quando seu filho contava apenas 3 anos de idade.

Estu...
[Ler mais...]

Augusto Fuschini
Engenheiro civil, vogal do conselho dos monumentos nacionais, ministro de estado honorário, deputado, etc.

Nasceu pelos anos de 1843.

Foi um dos estudantes mais laureados do seu tempo, em Matemática, na Universidade de Coimbra, e fez o curso de engenheiro com toda a distinção. Desempenhou as funções de engenheiro distrital e...
[Ler mais...]

João Franco
Estadista contemporâneo, presidente de conselho de ministros, ministro e secretário de Estado dos Negócios do Reino; conselheiro de Sua Majestade e de Estado.

Nasceu no Alcaide, conc. do Fundão, em 14 de Fevereiro de 1855.

Formou-se em Direito na Universidade de Coimbra em 1875. Entrando na carreira administrativa, tem desem...
[Ler mais...]

Infante D. Francisco
Francisco (D.). Infante de Portugal
Nasceu a 25 de Maio de 1691.
Faleceu a 21 de Julho de 1742.

3.º filho de de D. Pedro II, e de sua segunda mulher, D. Maria Sofia de Neuburgo.

Nasceu em Lisboa a 25 de Maio de 1691, fal. em 21 de Julho de 1742, na quinta de Bernardo Freire de Sousa junto a Óbidos. (V. Gazeta d...
[Ler mais...]

Filipe III
Filipe IV de Espanha e III de Portugal.
Nasceu a 8 de Abril de 1605
Faleceu a 7 de Setembro de 1665

O Grande. Nasceu em Madrid a 8 de Abril de 1605, onde também faleceu a 7 de Setembro de 1665. Era filho de Filipe III, de Espanha, e da rainha sua mulher, D. Margarida de Áustria.

Em 14 de Julho de 1619 foi jurad...
[Ler mais...]

Filipe II
Filipe III de Espanha e II de Portugal.
Masceu em 1578
Faleceu a 31 de Março de 1621

O Pio. Nasceu em Madrid em 1578, onde também faleceu em 31 de Março de 1621. Era filho de Filipe II, e de sua quarta mulher, D. Ana de Áustria.

Subiu ao trono em 1598, contando 20 anos de idade. Tinha um carácter fraco, apático e...
[Ler mais...]

Filipe I
Filipe II de Espanha e I de Portugal.
O Prudente.
Nasceu em 1527
Faleceu a 13 de Setembro de 1598

Nasceu em Valladolid em 1527, faleceu no Escurial a 13 de Setembro de 1598. Era filho de Carlos V, imperador da Alemanha, e da imperatriz D. Isabel, filha de el-rei D. Manuel, de Portugal.

Casou em 15 de Novemb...
[Ler mais...]

Conde da Feira
D. Miguel Pereira Forjaz Coutinho Barreto de Sá e Resende
nasceu a 1 de Novembro de 1769
faleceu a 6 de Novembro de 1827

Tenente general, etc. Nasceu em 1 de Novembro de 1769, fal. a 6 de Novembro de 1827. Era filho de D. Diogo Pereira Forjaz Coutinho Barreto de Sá e Resende, que foi coronel de cavalaria, governador e capitão...
[Ler mais...]

António Feijó
Bacharel formado em Direito pela Universidade de Coimbra ; poeta, diplomata, ministro plenipotenciário de Portugal na Suécia, etc.

Nasceu em Ponte de Lima, no ano de 1862.

Terminou o curso em 1883, e pouco tempo depois entrou na carreira diplomática. Em 30 de Julho de 1885 ficou aprovado no concurso de segundos oficiais e de...
[Ler mais...]

Manuel Fernandes Tomás
Um dos heróis dos acontecimentos políticos de 1820.
Nasceu na Figueira da Foz a 30 de Junho de 1771, faleceu em Lisboa na antiga rua do Caldeira N.º 2, a Santa Catarina, a 19 de Novembro de 1822.

Era filho de João Fernandes Tomás e de Maria da Encarnação, os quais à vista do engenho precoce que o moço revelara, o mandaram para Coi...
[Ler mais...]

D. Fernando II
Duque de Saxe-Coburgo-Gotha; rei de Portugal pelo seu casamento com a rainha D. Maria II. 0 seu nome completo era Fernando Augusto Francisco António. N. em Coburgo a 29 de Outubro de 1816, fal. em Lisboa, no paço das Necessidades, a 15 de Dezembro de 1885. Era filho do príncipe Fernando Jorge Augusto o duque de Saxe-Coburgo-Gotha, e de sua mulher, ...
[Ler mais...]

Agostinho José Freire
Bacharel formado em Matemática pela Universidade de Coimbra; ministro e conselheiro de Estado, deputado, par do reino, major do exército, etc. N. em Évora a 28 de Agosto de 1780, fal. em Lisboa a 4 de Novembro de 1836.

Ainda muito criança veio para Leiria com seu pai, que tinha igual nome, e ali frequentou os primeiros estudos; seguiu de...
[Ler mais...]

Luciano Freire
Professor e académico de mérito da Academia Real das Belas Artes, de Lisboa. Nasceu na mesma cidade em 1864, cursou a referida Academia Real de Belas Artes, onde concluiu em 1886 o curso de pintura histórica, completando os seus estudos em sucessivas viagens ao estrangeiro.

Debutou na exposição da Sociedade Promotora de Belas Artes, em 1...
[Ler mais...]

José Estevão Coelho de Magalhães
Notável orador político, bacharel formado em Direito pela Universidade de Coimbra, jornalista, deputado, etc.

N. em Aveiro a 26 de Novembro de 1809, fal. em Lisboa a 3 de Novembro de 1862. Era filho do médico Luís Cipriano Coelho de Magalhães (V. este nome), e de sua mulher, D. Clara Miquelina de Azevedo Leitão.

Quando em 18...
[Ler mais...]

 
Livro de visitas
Enviado por: Rui Filipe Reigoto Brites
Vila Real

Sentimento e tristeza
Foi com muita tristeza e muita surpresa que recebi o vosso e-mail para dar uma noticia chocante. Tive a oportunidade de conhecer o Doc em Resende, uma pessoa muito divertida, simpática e profissional. Os meus maiores sentimos e condolencias, que continue a "viver" com o mesmo espirito da música. Até sempre....Doc.Para o Canto da Terra, desejo as maiores forças e continuem a cantar e a encartar, para as pessoas que gostam de vocês, e para o Doc que merece e nunca vos vai deixar de ouvir. Um abraço muito forte de Trás-os-Montes.

[Mais comentários...]    [Escrever comentário...]
 
 
 
Boi luzidio nunca tem fastio.

Programação da rádio


 

 

© 2003-2023 Cantos da Terra - Todos os direitos reservados.
14324815 páginas visitadas - 36 visitantes ligados
Contacte-nos